Possibilidades de intercâmbio na Austrália

Além de ser um dos maiores países do mundo, a Austrália também está entre os mais populares para se estudar fora. O leque de possibilidades é amplo, o que agrada diversos perfis de pessoas, e é sobre isso que vamos falar hoje. Se vocÊ sempre quis fazer intercâmbio na Austrália, mas ainda estava com dúvidas sobre as possibilidades, continua lendo esse artigo e fique por dentro de tudo!

É válido destacar que o país é um dos que conta com uma diversidade de cidades para os intercambistas. Além disso, a grande maioria delas é praiana e conta com um clima parecido com o do Brasil.

Ensino Médio na Austrália (High School)

Ensino Médio na Austrália (High School)

Vamos começar pela experiência que é o sonho de muitos adolescentes, que só de pensar na possibilidade de estudar fora, ficam com os olhos brilhando! Por lá, é possível fazer um ou dois semestres acadêmicos, e existem algumas regras padrão, e outras que podem variar de acordo com a instituição de ensino.

A Austrália tem um dos melhores sistemas educacionais do mundo. A oportunidade de estar em uma escola australiana, seja pública ou particular, é algo que realmente faz a diferença na experiência de vida, e também, no currículo. Apesar disso, é preciso se preparar para o intercâmbio. É obrigatório ter um inglês, no mínimo, de nível intermediário, e o teste é feito na própria agência da tm.

No país, os estudantes que buscam fazer high school irão morar em uma casa de família. Esta família receberá o estudante na sua casa como um novo membro da família, que participará das atividades da casa enquanto vive essa experiência única. Legal, né?

Curso de idiomas de curta duração

Curso de idiomas para períodos curtos

Caso você opte por ficar por curtos períodos, entre 2 e 12 semanas, é possível entrar no país com visto de turista. Esse é um tipo de intercâmbio comum entre brasileiros que possuem um período mais restrito de férias e que não conseguem ficar um tempo longo o suficiente para fazer um intercâmbio de estudo e trabalho. E quando se fala em possibilidades, existem diversas escolas e diversas cidades para você escolher.

Outro aspecto que você consegue controlar é a carga horária do curso, que pode ser regular, semi-intensivo ou intensivo. Normalmente, são de 3 até 6 horas de aulas por dia. Essa decisão também irá depender do que você procura, de qual o seu objetivo e do tempo que quer investir todos os dias estudando.

E aqui vai uma dica: é necessário que você pense bem sobre isso, para que consiga administrar o tempo que ficará em sala e o tempo que irá aprender fora da escola, quando sai com os colegas e amigos da turma e consegue praticar o seu inglês em situações de dia a dia, visitando os pontos turísticos de onde estiver morando, por exemplo.

Study & Work: intercâmbio de estudo e trabalho na Austrália

Estudo e Trabalho na Austrália

Já pensou em estudar e trabalhar no exterior? Mesmo que você não fale bem inglês, a Austrália abre duas possibilidades para esse caminho. A primeira, é fazer um curso de idiomas, a partir de qualquer nível de conhecimento, por pelo menos 14 semanas. A segunda, mas não menos interessante, um curso profissionalizante, que costuma exigir um nível de domínio intermediário, a depender do curso.

Em ambas as situações, o visto emitido é o de estudante. Esse tipo de visto proporciona o direito do estudante internacional trabalhar até 40 horas quinzenais, e esse tempo de trabalho você pode administrar com o empregador da maneira que fizer mais sentido, por exemplo: existem alunos que preferem trabalhar mais horas nos finais de semana, enquanto outros dividem esse tempo durante a semana mesmo.

Por fim, vale destacar que a Austrália conta com um dos maiores salários mínimos do mundo, ou seja, independente do trabalho que você conseguir, a remuneração será consideravelmente boa. Ainda assim, vale trabalhar a expectativa sobre o tipo de emprego que conseguirá, viu?

Higher Education: ensino superior na Austrália

Ensino Superior na Austrália

Por último, temos a possibilidade do ensino superior para quem já domina o inglês. Nesse sentido, tanto graduação, quanto mestrado e doutorado são opções. O leque de disciplinas que as universidades australianas disponibilizam aos estudantes é enorme, por isso, a busca por uma instituição precisa ser muito bem embasada, para que dessa maneira, você consiga escolher um bom curso e a universidade certa para você.

O visto para estudantes de ensino superior também permite que os alunos trabalhem enquanto estudam. De qualquer forma, é preciso chegar antes, entender como será a grade acadêmica, para depois conseguir organizar os horários de trabalho que você terá disponível.

Entre as áreas de estudo que estão em alta na Austrália estão a de tecnologia da informação, como em grande parte do mundo, e também a de atendimento ao cliente, que está sempre bombando na Austrália. Além disso, existem também algumas disciplinas que estão diretamente ligadas ao desenvolvimento de energias sustentáveis, que são o futuro para que o mundo se torno um lugar ainda mais preparado. Além dessas, as universidades contam com cursos nas mais diferentes áreas do conhecimento.

Nesse caso, mesmo que você não queira ficar na Austrália por muito tempo, é possível voltar ao Brasil com certificado internacional que fará toda a diferença no seu currículo. Agora que você já sabe de todas as possibilidades, só falta procurar a tm e tirar o plano do papel! Bora, mate?

Se você gostou dessas dicas, e quiser maiores informações, converse com um de nossos especialistas e entenda todas as possibilidades. E não esqueça de nos acompanhar nas redes sociais @travelmateintercambio para ficar sempre por dentro dos nossos conteúdos, dicas, promoções e condições.

Newsletter

Tudo sobre intercâmbio
cadastre-se para receber novidades sobre intercâmbio