Checklist TravelMate: Quais documentos você precisa pra se candidatar para uma universidade no exterior

É quase uma unanimidade: a grande maioria dos estudantes que pensa em fazer o ensino superior fora, levanta essa questão. Na publicação de hoje nós trazemos os detalhes de quais são os documentos para se candidatar para universidade no exterior. Numeramos o Checklist TravelMate, destacando os principais itens que são necessários para realizar uma candidatura de maneira assertiva.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

1. Teste de proficiência

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Todo e qualquer estudante que vai realizar um curso de ensino superior em outro país precisa comprovar o conhecimento exigido no idioma. A demanda por cada tipo de teste varia, não só do país escolhido, mas também da língua que o curso será lecionado.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Para o inglês, que costuma ser o idioma dos destinos mais populares entre os brasileiros, é possível fazer o teste do IELTS (Academic), TOEFL ou Duolingo Test. Instituições do Canadá, Estados Unidos, Inglaterra, Escócia, Austrália, Nova Zelândia, Irlanda, entre tantos outros países, costumam aceitar as notas desses testes. Assim como os testes de inglês, também existe o TestDaF para o alemão, o DELE para o espanhol, o CELI para o italiano e outros para diversos idiomas.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

A grande maioria dos testes de proficiência tem validade de 2 anos. Por essa razão, aconselhamos realizá-los poucos meses antes da data da candidatura. Em suma, esses são os principais testes aceitos ao redor do mundo, porém, existem outros que podem ser aceitos, inclusive testes internos das instituições.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

2. Histórico acadêmico e tradução juramentada

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Começamos destacando, nesse tópico, que não é necessário ter as melhores notas do mundo para ser aprovado em uma universidade no exterior. Claro, se você tiver notas excelentes, ajuda muito. Mas atualmente, as universidades fazem análises bem mais amplas, aprovando inclusive, alunos que não tiveram os melhores históricos. Se você ainda está estudando, e tem tempo pela frente, se dedique, pois boas notas podem te ajudar a conseguir bolsas de estudos mais robustas.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Aos que não conseguiram notas muito altas nos anos anteriores, fica mais difícil a oferta de bolsas. Porém, o sonho de estudar fora segue viável. São inúmeros os estudantes que conseguem aprovação em mais de uma universidade, independentemente das notas. Dessa forma, absolutamente todos os candidatos têm potencial para alcançar esse objetivo.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Se você for formado no ensino médio e estiver se candidatando para a graduação, você vai precisar do histórico dos três últimos anos do ensino médio. Caso ainda esteja cursando, é solicitado o histórico parcial do ano vigente, e dos dois anteriores. Por outro lado, caso esteja aplicando para uma pós, é solicitado o histórico da graduação, nos mesmos moldes e se não tiver finalizado, as instituições costumam pedir o do semestre vigente, e de todos os anteriores.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Com o histórico em mãos, também é preciso fazer a tradução juramentada. Todos os alunos da TravelMate recebem a indicação de um tradutor parceiro, para facilitar a busca pelo serviço. Os consultores da TM explicam, em detalhes, tudo o que o estudante precisa saber para realizar uma candidatura de maneira correta.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

3. Certificado de conclusão de curso e tradução juramentada

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Bem como o histórico, o certificado segue parâmetros parecidos. Quem está aplicando para graduação, precisa do documento do ensino médio, e quem aplica para uma pós, o documento da graduação. Para aqueles que ainda estão finalizaram o curso, as instituições também fazem a análise sem esse documento. Porém, em caso de aceite, a carta de oferta vem com um termo “condicional”, deixando claro que o aluno precisa manter boas notas e entregar o certificado para a universidade assim que finalizar o curso.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

4. Passaporte

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Checklist TravelMate: Quais documentos você precisa pra se candidatar para uma universidade no exterior

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

É um documento que parece tão óbvio, mas que vez ou outra os alunos esquecem de solicitar a emissão de maneira adiantada. O passaporte é necessário já no momento da candidatura. As instituições o consideram como o documento oficial do país de origem do candidato. Caso você ainda não o tenha, não se preocupe, é muito fácil tanto para agendar, quanto para fazer todo o processo que é solicitado.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

O passaporte brasileiro é emitido pela Polícia Federal. Sendo assim, nesse site é possível preencher todas as informações e realizar a solicitação. Atualmente (momento em que esse post foi escrito), o preço para a emissão é de R$257,25 e o documento tem validade de 10 anos a partir do momento da emissão, um período consideravelmente longo.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Portanto, é possível concluir que você não utilizará o passaporte apenas para a candidatura nas universidades e para essa viagem. Poderá fazer uso durante muitos anos, em diversas viagens, seja à turismo ou intercâmbio. Pouca gente sabe, mas vale o destaque: o passaporte brasileiro é um dos mais poderosos do mundo. Inclusive, falamos sobre isso um tempo atrás aqui no blog.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

5. Application Form das instituições

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

O formulário de aplicação varia muito de acordo com cada instituição. Sobretudo, podem ser tanto digitais, quanto em algumas raras exceções, preenchidos manualmente. Contudo, esse é um dos poucos documentos que não dá para adiantar antes da decisão de quais instituições receberão a candidatura. Após essa escolha, os consultores da TravelMate lhe passam os formulários.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Os dados solicitados em cada form também podem variar bastante. Dessa forma, alguns exigem mais informações, outros solicitam uma quantidade menor de dados. Sempre que tiver qualquer dúvida sobre o preenchimento, os nossos consultores estarão a postos para amparar o aluno e sua família.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

6. Possibilidade de documentos adicionais

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Universidade no Exterior

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Definitivamente, é possível que outros documentos sejam solicitados. Os 5 tópicos citados anteriormente são praticamente uma regra, porém, dependendo da universidade, do curso, ou até mesmo da bolsa na qual você está se candidatando, as instituições podem solicitar docs adicionais.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Desde um currículo acadêmico ou profissional, que é muito comum para programas de mestrado, até mesmo um projeto, que também costuma ser solicitado em cursos de mestrado ou doutorado. Apesar desses exemplos um pouco mais complexos, a ampla maioria do que é pedido como complemento costuma ser simples de se conseguir. Em alguns casos, experiências em olimpíadas acadêmicas ou atividades do gênero também podem ser solicitadas.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Por último, mas não menos importante, acompanhe nossos conteúdos que são frequentemente publicados nas redes sociais @travelmateintercambio!

Newsletter

Tudo sobre intercâmbio
cadastre-se para receber novidades sobre intercâmbio